Psiquiatria e Sociedade

Mente, cérebro e gente

Como elogiar seus filhos – e premiar seus cientistas

leave a comment »

“Não pode elogiar que estraga”.

Provavelmente você já ouviu – ou disse – essa frase, muita usada quando alguém faz algo bom mas, após ser elogiado por isso, deixa de agir de forma, digamos, “elogiável”. Mas será verdade? Sabendo que reforços positivos muito influentes em nossos comportamentos – até mais do que as punições – essa sentença parecer equivocada. No entanto ela traduz algo de importante.

Leia a íntegra no Portal Estadão.

Anúncios

Written by Daniel M Barros

26/09/2013 às 11:14 AM

Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: