Psiquiatria e Sociedade

Mente, cérebro e gente

Transexualidade, ciência e legislação

with one comment

Ao decidir criar um sistema universal e integral de saúde os membros da assembleia constituinte não imaginavam as dificuldades que viriam pela frente – corria o ano de 1988, e provavelmente eles não imaginavam que vinte e cinco anos depois o Ministério da Saúde estaria envolvido numa polêmica sobre a realização de cirurgias de mudança de sexo. Mas esses debates são o preço a se pagar por garantir o acesso completo a algo tão subjetivo como saúde – num cenário de crescentes possibilidades tecnológicas alcançadas pela medicina, definir o que é estar saudável e oferecer todos os meios para se chegar lá torna-se uma tarefa cada vez mais complexa.

 

Leia a íntegra no Portal Estadão.

Anúncios

Written by Daniel M Barros

23/04/2013 às 8:12 AM

Publicado em Uncategorized

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. tem tanto preconceito q boa parte se ve obrigado a se refugiar num call center. ñ é a capacidade e sim a dificuldade de interagir com um semelhante.

    marcia

    23/04/2013 at 4:57 PM


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: