Psiquiatria e Sociedade

Mente, cérebro e gente

Luz sobre a loucura

leave a comment »

Não sei bem a razão, mas há tempos não vejo um lanterninha em ação – os mais jovens podem nem saber que essa categoria profissional já existiu. Quem chegava um pouco atrasado ao cinema, quando as luzes já se haviam apagado, tinha dificuldade de encontrar um lugar até que os olhos se acostumassem à escuridão. Era quando entrava em ação o lanterninha, um sujeito que, de posse de uma pequena lanterna a pilhas, ajudava o atrasado a se orientar dentro do cinema. Não encontro uma explicação definitiva para a extinção da classe, mas saúdo com alegria o lançamento de uma coleção de livros chamada justamente “Coleção lanterninha”, do selo Amarilys da editora Manole. A proposta é publicar livros que deram origem a filmes clássicos do cinema; o nome vem pois a calhar, já que tais obras sem dúvida ajudam o leitor/espectador a se orientar com relação ao filme em questão.

Leia a íntegra no Portal Estadão.

Anúncios

Written by Daniel M Barros

20/03/2013 às 10:29 AM

Publicado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: